Um Docinho Hiper Rápido!

Aqui há uns tempos o meu marido resolveu ter um ataque qualquer em que só lhe apetecia comer um doce… Ora eram 23h, o que é que eu ia fazer aquela hora??

Pois bem, abri o frigorífico e tinha lá um pacote de natas e uma lata de leite condensado…

???????????????????????????????

Ingredientes:

1 lata de leite condensado bem fresco

1 pacote de natas bem fresco

2 a 3 bolachas torradas, digestivas ou Maria

Preparação:

Bater bem as natas com umas gotinhas de sumo de limão.

Colocar uma a duas c. de sopa de natas batidas em cada tacinha; despejar por cima, com cuidado, ou pouco de leite condensado. Ralar as bolachas e dispor por cima do doce, para decorar… E servir!

É rápido, é simples e satisfaz a necessidade de algo doce… 🙂

Doce de Vinagre com Farófias

O doce de vinagre traz-me recordações de infância… Lembro-me perfeitamente de o comer em casa dos meus avós, na ilha Terceira, e adorava-o! Nunca o tinha feito, mas lembrei-me dele a propósito da parceria com a Paladin e, como é óbvio, tinha de tentar fazê-lo.

Entretanto descobri que, além de ser muito popular na Ilha Terceira, doce de vinagre é também um doce típico do Montijo, pelo que fui procurar a respectiva receita e encontrei-a aqui. Mas como me lembrava que o doce era mesmo muuuuito doce, quis acrescentar algo menos doce, para equilibrar e ao mesmo tempo aproveitar as claras dos ovos utilizados; por isso, juntei-lhe umas farófias muito simples. Saiu isto:

???????????????????????????????

Ingredientes:

Para o Doce:

8 gemas

2 claras

2,5 dl de leite

400g de açúcar (só pus 300g)

1 c. de sopa de vinagre de vinho branco Paladin

Uma boneca de erva-doce

Para as Farófias:

6 claras

3 c. sopa de açúcar

1/2 l de leite

Casca de limão

1 pau de canela

Para decorar:

Canela em pó

Preparação:

Doce:

Num tacho largo, levar ao lume o leite com a boneca de erva doce, o vinagre e o açúcar; misture e deixar ferver 3  4 minutos, até fazer um ponto fraco. (O leite vai talhar, o que é perfeitamente normal, o objectivo do vinagre é mesmo esse).

Bater as gemas com as claras. Retirar o preparado anterior do lume, deixar arrefecer e juntar as gemas batidas com a claras. Levar novamente ao lume e mexer sempre, até que engrosse e faça ponto de estrada (quando passamos a colher pelo fundo do tacho e se  abre como que uma estrada).

Colocar nas tacinhas de servir.

Farófias:

Num tacho largo, levar ao lume o leite com o pau de canela e a casca de limão; podem acrescentar 3 a 4 c. de sopa de açúcar se assim o desejarem, eu não o fiz. Deixar levantar fervura e baixar o lume, para que o leite se mantenha a ferver muito lentamente.

Entretanto bater as claras em castelo bem firme, com a ajuda de umas gotas de limão ou umas pedrinhas de sal.

Deitar colheradas de claras no leite fervente e deixá-las cozer (o que acontece rapidamente), virando-as com a ajuda de uma escumadeira; as claras aumentam de volume no tacho porque absorvem leite, por isso convém não colocar mais de 2 a 3 colheradas de cada vez, a não ser que o tacho seja mesmo muito grande!

Quando cozidas, retirar as farófias do leite e colocá-las sobre um passador, para que escorram o leite absorvido. Em seguida, dispô-las sobre o doce de vinagre e decorar com um pouco de canela em pó.

Depois é só colocar no frigorífico e saborear bem frio… Fica uma autêntica delícia!

Como nota final, lembrem-se que se por acaso o doce ficar com grumos podem passar com a varinha mágica!  Lembro-me de ver a empregada dos meus avós a fazer isso 🙂

Cupcakes de Baunilha

Nota Cooking: Contribuição do blog Entrelaços e Pérolas! Original aqui. 🙂

Esta é mais uma receita maravilhosa da confeitaria Hummingbird, à qual dei um toque personalizado com uma cobertura e decoração em pasta de açúcar.

Cooking World - Cupcakes de BaunilhaIngredientes:

120g de farinha de trigo

140g de açúcar

15g de fermento em pó

40g de manteiga sem sal

120ml de leite gordo

1 ovo

5ml de essência de baunilha

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 170ºC.

Junte a farinha, o açúcar, o fermento e a manteiga num recipiente e bata tudo até obter uma mistura homogénea com uma consistência arenosa. Aos poucos, deite metade do leite e mexa novamente até que o leite fique bem incorporado.

Bata o ovo, a essência de baunilha e o restante leite num recipiente à parte, durante alguns segundos. De seguida, junte ambas as misturas e envolva até os ingredientes ficarem bem ligados.

Continue a misturar durante alguns minutos para que a massa adquira uma textura lisa, mas não bata em demasia.

Com a ajuda de uma colher, distribua a massa por forminhas de papel, até encher dois terços, e leve ao forno durante 20 a 25 minutos, vigiando.

Deixe arrefecer completamente e decore com pasta de açúcar, dando asas à imaginação.

(Imagem cedida pela autora) Emilie dos Santos – EntreLaços e Pérolas.

Cheesecake Cookies

Nota Cooking: Contribuição do blog As Aventuras de uma Mamã! Original aqui. 🙂

No mês passado descobri o desafio mensal da Manuela do blog Cravo e Canela – Uma Cozinha no Brasil. E fiquei muito contente de ter podido participar com as Bolachas Lindzer que tinha feito a título de comemorar o dia de São Valentim.

Vai daí que este mês voltamos a ter desafio!! Aguçando nos o apetite com um coelhinho da Páscoa, assim nos lançou o desafio para este mês a Manuela. Apesar de não ter cortadores em forma de coelhos, tinha visto uma receita no blog Recetas para la Felicidad.

Já a tinha debaixo de olho ha uns tempos, e como sempre que me falam de Páscoa me lembro de queijo e Pão de Ló, resolvi fazer visto terem queijo na sua composição.

Manuela espero que gostes destas bolachinhas!

Cooking World - Cheesecake BrowniesIngredientes:

 Massa para as bolachas

200 gramas de manteiga à temperatura ambiente

125 gramas de açucar em pó

1 ovo

1 pisca de sal

400 gramas de farinha

Para o cheesecake

100 gramas de Creme frâiche ( se não tiverem, podem usar nata com MG>35% ou queijo creme)

200 gramas de queijo creme (usei Philadelphia)

100 gramas de leite condensado

2 colheres de sopa de sumo de limão

Doce de morango q.b.

Para a decoração

Corante azul e vermelho

Preparação:

Misturamos todos os ingredientes com as mãos e formamos uma bola, que dividimos em 2 partes.

Estendemos a massa entre duas folhas de papel vegetal até obter uma espessura de 5 mm. Usamos um cortador que seja maior que as formas que vamos usar. Eu usei as minhas de queques, que para queques são de tamanho normal, e então usei o cortador grande.

Cortamos então rodelas de massa que colocamos nas formas de queque, mas na parte exterior. Ou seja, que vamos cubir a parte de fora das formas com a massa.

Pré aquecemos o forno a 170 ºC e colocamos as formas no frigorifico durante uns minutos para que descansem.

Levamos então ao forno durante 10-12 minutos ou até que a borda esteja dourada. Retiramos e deixamos arrefecer sobre uma rede.

Preparamos o cheesecake, batendo bem o queijo creme com a creme frâiche, o leite condensado e por fim adicionamos o sumo de limão. Desta mistura separamos duas colheres de sopa, separadamente, à qual vamos adicionar o corante. Uma ou duas gotas consoante a intensidade de cor que desejarmos. No meu caso usei azul e vermelho, em pouca quantidade deste ultimo para obter um rosa clarinho.

Depois de frias as tarteletes procedemos à montagem das bolachas.

Em primeiro colocamos uma colher de sobremesa de doce de morango colocando de seguida uma colherada de sopa da mistura de queijo. Alisamos a superficie e terminamos com as restante tarteletes. Com o creme que temos com cores, usamos um palito como refere a receita original, ou se não como eu que usei uma manga improvisada, para improvisar uns ovinhos.

Levamos ao frigorifico um mínimo de 4 horas antes de servir.

Notas da autora da receita:

Não troquem os produtos mencionados por produtos light! É a matéria gorda destes produtos que vai permitir que o creme coalhe mais rapido.

O limão, aparte de sabor, também vai ajudar neste processo.

À medida que vão passando os dias, vai ganhando uma pequena crosta superficial, mas o interior continuará cremoso.

Quando acabei de as fazer, pensei, já meteste a pata outra vez. Eu e a minha mania de às vezes não ver com olhos de ver as receitas. E olhem que a li mais do que outras, mas mesmo assim a parte que falava das mini madalenas, foi ignorada por mim.

Ainda assim conseguimos juntar num só, o prazer de uma bolacha estaladiça, e a cremosidade de um cheesecake.

Para pôr estas meninas nas fotos, numa delas aparei o excesso da massa para que se pudessem parecer mais a uma cookie. Ainda assim, gostei das duas!

Qual preferem?

(Imagem cedida pela autora) Mena Lopes – As Aventuras de uma Mamã.

Bolachinhas de Amêndoa

Nota Cooking: Mais uma contribuição do blog As Aventuras de uma Mamã! 🙂

Esta é daquelas receitas que está sempre pendurada na porta do frigorífico.

E sabem porquê? Porque depois de as ter experimentado, já as fiz vezes sem conta! Uma vezes faço com o doce e outra vez sem! É conforme a inspiração!

A receita desta vez tenho mesmo que a escrever, porque a tenho apontada na dita folha, que vai ficar amarela de velhinha, e tirei-a de algum blog, mas na altura não apontava de onde as tirava. Ora então a receitinha….

Ingredientes:

Cooking World - Bolachas de Amêndoa250 gr de farinha

1 ovo

100gr de açucar

100 gr de amêndoa

100 gr de manteiga derretida

2 colh. de sopa de leite

Doce de morango qb.

Preparação:

Não apontei a quanto se põe o forno, mas normalmente ponho sempre a 180ºC.

Numa tigela misturam-se todos os ingredientes até obter uma massa homogénea e com consistência para usar a máquina de fazer biscoitos. Colocar num tabuleiro devidamente untado, ou então com papel vegetal.

Levam-se ao forno durante 10/12 minutos ou então até que estejam douradinhas. A meio da cozedura colocar um pouco de doce de morango, ou outro que seja do vosso agrado.

É que não posso ter estas bolachas na lata!! São um vício!

Vai uma bolachinha?

(Imagem cedida pela autora) Mena Lopes – As Aventuras de uma Mamã