Carne de Porco Assada com Maionese

Aqui há dias tinha posto uma peça de carne de porco a descongelar, mas não me apetecia assá-la do modo “tradicional” (e ponho entre aspas porque há mil e uma maneiras de temperar carne para assar); pensei em arranjá-la em cubinhos e fazer carne à portuguesa, em tirinhas e fazer strogonoff e mais umas quantas ideias, mas de repente lembrei-me da maionese Paladin! Pois foi tiro e queda:

???????????????????????????????

Ingredientes:

1 peça de porco para assar (a minha tinha 1,380 kg)

3 a 4 colheres de sopa de maionese Paladin

Mistura de especiarias para grelhados (usei a que comprei numa das lojas Tiger aqui há dias)

Sal

Preparação:

Numa taça, misturar bem a maionese com sal a gosto e uma colher de sobremesa da mistura para especiarias para grelhados. Barrar bem a carne com este preparado, deixando uma camada generosa.

Colocar a carne numa assadeira, cobrir com papel de alumínio (a parte brilhante para o lado que fica em contacto com a carne!) e levar ao forno a 180ºC cerce de 1h a 1h10min. Retirar o papel de alumínio e levar novamente ao forno mais 20 minutos, para dourar a maionese.

Servir! Eu servi com um arroz branco aromatizado com vinagre de fruta com frutos vermelhos (que ficou uma maravilha) e tomate em cubos temperado apenas com um pouco de sal.

???????????????????????????????

Mais uma receita a repetir; cá em casa ninguém abriu a boca durante a refeição, o que é sinal que adoraram!! 🙂

Anúncios

Cá por Casa Faz-se Assim: Medalhões de Pescada com Tomate e Couve-Flor no Forno

Mais uma receitinha muito saudável! Uma manhã com falta de inspiração para cozinhar que acabou nisto… Só vos digo que fica delicioso e é super simples de fazer! Mais uma participação para o passatempo 100 Publicações do blog The Wild Kitchen, do Paulo Herculano. 🙂

???????????????????????????????

Ingredientes:

2 couves-flor pequenas (ou uma grande)

8 medalhões de pescada

2 tomates

Sal

Alho em pó

Pimenta

Sumo de limão

Azeite

Oregãos

Preparação:

Temperar os medalhões de pescada com um pouco de sal, alho em pó, pimenta e sumo de limão e deixar marinar cerca de 30 minutos.

Entretanto cozer as couves-flor em água temperada com um pouco de sal e umas gotas de vinagre. Cuidado para que não cozam demais!

Escorrer as couves e cortá-las em 1/8 ou em raminhos, como preferirem.

Lavar os tomates e limpá-los de sementes; cortá-los em tirinhas.

Untar um tabuleiro de forno com um pouco de azeite (eu usei 1/2 c. de sopa e espalhei com um pincel); dispor os medalhões de pescada no centro e cobrir com as tirinhas de tomate; colocar as couves-flor em volta. Polvilhar tudo com orégãos e regar com um fiozinho de azeite.

Levar ao forno a 200ºC cerca de 30 minutos.

Quem quiser, pode acompanhar com umas batatinhas cozidas, por exemplo! 🙂

Lasanha de Bacalhau com Migas de Espinafres

Nota Cooking: Contribuição do blog O Barriguinhas! Original aqui. 🙂

DSCF0300

Ingredientes:

1 kg de bacalhau desfiado demolhado

2 embalagens de 400 gr de espinafres em folhas congelados

1,2 litro de molho béchamel

1 cebola picada

3 dentes de alho picados

Placas de lasanha fresca

Azeite q.b.

Sal, e pimenta q.b.

Queijo ralado q.b.

Pão ralado aromatizado

Dá-se uma fervura ao bacalhau, retira-se a pele e as pinhas e divide-se em lascas. Reservar. (eu aproveitei umas postas de bacalhau assado que sobraram e ficou mesmo delicioso).

Faz-se o molho o bechamel com:

1L de leite

90g de farinha

70g de margarina

Noz moscada, pimenta e sal a gosto

Preparação tradicional: Colocar todos os ingredientes num tacho e triturar com a varinha mágica. Levar ao lume mexendo sempre até engrossar.

Preparação na Mycook: Colocar todos os ingredientes no jarro e programar: 8 minutos – 90º – Veloc.4

Pão ralado:

2 pães duros

salsa e 2 dentes de alho

Preparação tradicional: coloque o pão em pedaços e os restantes ingredientes numa picadora e pique bem.

Preparação na Mycook: coloque tudo no jarro e programe 30 seg | Veloc.10

Numa frigideira põe-se um fio de azeite e juntam-se os espinafres para descongelar. (pode utilizar espinafres frescos: cozendo-os em água fervente e escorrer bem). Numa panela põe-se um fio de azeite, junta-se a cebola picada, o alho e deixa-se refogar ligeiramente. Junta-se o bacalhau escorrido e cerca de 800 ml do bechamel. Mexe-se bem e junta-se os espinafres escorridos, envolvendo-se bem. Envolva o pão ralado. Numa travessa põe-se cerca de 200 ml de bechamel, por cima põe-se uma camada de placas de lasanha e metade do bacalhau, mais uma camada de placas de lasanha, e o resto do bacalhau. Termina-se com mais uma camada de placas de lasanha, o resto do bechamel e polvilha-se com queijo ralado (quanto mais melhor). Vai ao forno cerca de 45 minutos. Servir com uma salada a seu gosto.

(Imagem cedida pela autora) Lúcia Fernandes – O Barriguinhas.

Atum Gratinado Aromatizado com Tomilho

Nota Cooking: Contribuição do blog Histórias e Aromas! Original aqui.

Hoje deixo aqui um pratinho que fiz num dia em que não estava mesmo nada virada para a cozinha!

Tudo o que me aparecia à frente não me apetecia, até que vi umas latinhas de atum e toca de utilizá-las!

Sirvam-se.

cooking - Atum Gratinado

Ingredientes:

2 Latas de Atum Médias (em Água)
1 Lata de Atum Média (em Azeite)
Massa Espiral Milaneza
1 Cebola
1 Pacote de Bechamel Levíssima (grande) Parmalat
Polpa de Tomate q.b
Tomilho q.b
Queijo Ralado q.b
Sal

Preparação:

Coze-se a massa conforme as instruções da embalagem e coloca-se num tabuleiro de ir ao forno.

Unta-se a Wok com azeite, pica-se a cebola e refoga-se. Junta-se a polpa de tomate, uma pitada de sal e de açúcar e deixa-se ferver.

Junta-se o atum (previamente escorrido e às lascas) e deixa-se cerca de 3 minutos em lume brando.

Coloca-se no tabuleiro juntamente com as massas, mistura-se bem, cobre-se com o bechamel, polvilha-se com queijo ralado e tomilho.

Leva-se ao forno pré aquecido a 180º até ficar douradinho.

A quantidade de polpa de tomate é relativa, junte ao seu gosto até ficar cremoso o suficiente.

Acompanhei com manga e milho!

Adorei o sabor do tomilho, ficou um prato muito saboroso, rápido e barato. Eu junto sempre uma pitada de açúcar quando utilizo tomate para reduzir a sua acidez; cá em casa tenho por hábito utilizar atum em água pois torna-se mais saudável, mas nestas ocasiões misturo sempre com uma lata de azeite para realçar mais o seu sabor.

(Imagem cedida pela autora) Cláudia Lameiras – Histórias e Aromas.

Cá por Casa Faz-se Assim: Perna de Peru no Forno

Aqui há dias comprei no talho uma perna de peru e pensei em fazê-la de acordo com esta receita, da Lena Santos… Mas, por portas e travessas, acabei por não conseguir deixar a dita a marinar!

Ora com uma perna de peru a ter de ser consumida e sem tempo para receitas que implicassem marinadas de 12h ou mais, resolvi pôr mãos à obra e criar o meu próprio tempero – teria de ser algo que desse sabor quase instantâneo, certo??

Perna de Peru no Forno 1Ingredientes:

1 perna de peru (peça no talho para darem uns golpes na mesma, para que asse mais depressa)

2dl de cerveja

2 dl de iogurte natural magro (ou natas)

1 c. sopa bem cheia de massa de pimentão

1 c. de sopa de molho inglês

1 pacote de sopa de cebola

Preparação:

Numa taça, coloque o pacote de sopa de cebola, a massa de pimentão, o molho inglês e um pouco de cerveja; misture e barre a perna de peru com o preparado. Coloque a perna de peru num tabuleiro de forno, com a pele (se tiver) virada para baixo.

Noutra taça, misture o iogurte natural (ou as natas) com o resto da cerveja. Regue o peru com esta mistura e leve ao forno a 180ºC durante cerca de 1h20m, virando o peru a meio do tempo.

Sirva acompanhado de arroz branco, arroz integral, batatas fritas e/ou legumes salteados.

Nota: A perna de peru que comprei tinha cerca de 2,400 kg e rendeu duas refeições para 4 pessoas, acompanhada por um salteado de couve portuguesa migada e cogumelos.

Simples, não é?? E ficou deliciosa!!

Caixinhas de Pão ou Açorda no Forno

Nota Cooking: Contribuição do blog A Cozinha da Kinhas! Original aqui. 🙂

Para o jantar decidi variar… normalmente é sempre massa, batatas ou arroz.

Confesso que nunca gostei muito de açorda, não é daqueles pratos que eu diga que como com prazer, mas se tiver de ser…

A receita que aqui apresento sofreu algumas alterações da minha parte, mas o original podem encontrar aqui – cinco sentidos na cozinha – e tenho de ser sincera: Experimentei e adorei!

Deixo-vos aqui a minha versão da receita para que possam dizer de vossa justiça…

Cooking World - Caixinhas de Pão ou Açorda no Forno

Ingredientes (4 pessoas):

12 fatias de pão de forma

6 ovos

1 lata de tomate pelado

1 cebola

1 lata de cogumelos

6 fatias de queijo fundido

1 litro de água

1 caldo de legumes

1 raminho de salsa

1 folha de louro

1 pitada de coentros com alho em frasco

1 pitada de sal

1 fio de azeite

Preparação:

Prepare o caldo refogando a cebola picada, o tomate e os cogumelos no azeite.

Junte a água, o caldo knorr, sal, a folha de louro e os coentros com alho e deixe ao lume até ferver. Junte a salsa picada.

Num tabuleiro coloque seis fatias do pão. Regue com metade do caldo. Sobreponha mais seis fatias do pão, cujo meio de cada uma retirou com a ajuda de uma faca (apenas um círculo e pode aproveitar estes bocadinhos de pão colocando entre as fatias que ficam no fundo do tabuleiro).

Nesse buraco coloque 1 fatia do queijo dobrada em quatro e por cima coloque cuidadosamente os ovos.

Cubra com o resto do caldo tendo cuidado para não romper os ovos.

Tempere os ovos com uma pitada de sal e leve a forno pré-aquecido a 200º cerca de 20-25 minutos.

Sirva de imediato.

(Imagem cedida pela autora) Catarina Sá – A Cozinha da Kinhas.

Delícia de Bacalhau Folhada

Nota Cooking: Contribuição do blog The Wild Kitchen! Original aqui. 🙂

Cooking World - Delicia de Bacalhau FolhadaIngredientes:

3 Lombos de Bacalhau

2 folhas de Louro

50g de Margarina

100g de Farinha

1 colher de (chá) de Noz de Moscada

0.5dl de Azeite

2 Cebolas em meias luas

200g de Nabiças

450g de Batata Palha

Coentros picados

Sal qb

500g de Massa Folhada

1 Gema

Preparação:

Demolhe atempadamente os lombos de bacalhau. Passe-os depois por água e coza-os num tacho de água e as folhas de louro, durante 15m.

Retire depois, escorra e reserve o caldo, limpe o bacalhau de peles e espinhas e lasque-o. Leve um tacho ao lume com a margarina, junte a farinha mexendo sempre e adicione depois 1 litro do caldo de cozer o bacalhau aos poucos e sem parar de mexer. Retire do lume, junte a noz de moscada e tempere com pimenta e reserve.

Noutro tacho ao lume com azeite, deite as meias luas de cebola e os alhos picados e deixe refogar até alourarem. Adicione as nabiças e deixe cozinhar, mexendo sempre até que fiquem tenros.

De seguida, acrescente a batata palha e o bacalhau lascado e envolva tudo delicadamente, junte o molho que reservou, bem com os coentros picados a gosto e envolva tudo e rectifique o tempero.

Estenda a massa numa bancada polvilhada com farinha e disponha sobre o preparado, calcando bem sobre os rebordos do pirex. Apare os bordos, pincele a massa com a gema e leve ao forno, previamente aquecido a 220ºC, até que fique douradinho. Retire e sirva quente.

(Retirada da Revista Teleculinária Gold n.º 52 Pág. 16)

(Imagem cedida pelo autor) Paulo Herculano – The Wild Kitchen.

Pato Assado no Forno com Laranja e Especiarias

Nota Cooking: Contribuição do blog Come, Bebe, Sorri e Ama! Original aqui. 🙂

Espero tenham tido um bom fim de semana!

Confesso que nunca tinha feito um (ou meio, neste caso) pato assado. Normalmente uso só os peitos que se vendem congelados e inteiro só para o arroz de pato. Desta vez deu-me p’ra isto.

Cooking World - Pato Assado com Laranja

Ingredientes:

Sumo de 1 Laranja
Sumo 1 Lima
1 Estrela Anis
2 Cravinhos
2 Folhas Louro
Sal
Pimenta
1 cm Gengibre Fresco ralado
1/2 Pato
1 c. sopa Doce de Laranja

Preparação:

Preparar uma marinada com os 8 primeiros ingredientes.

Introduzir o pato na marinada e deixar repousar pelo menos uma hora.

Colocar o pato numa assadeira, regar com um pouco da marinada e levar ao forno a 180º tapado com papel alumínio cerca de 40 minutos.

Passado o tempo tirar a folha de alumínio, aumentar o forno para 200º e deixar tostar 10 minutos. Quando retirar do forno, barre com o doce de laranja para lhe dar mais brilho e acentuar o sabor a laranja.

Acompanhei com um cuscuz de couve e feijão branco, cuja ideia tirei daqui.

(Imagem cedida pela autora) Rosário Mota – Come, Bebe, Sorri e Ama.

Salmão em papelotes

Nota cooking: Contribuição do blog Sabores Leves! Original aqui.

Não é a primeira vez que cozinho nos papelotes, mas peixe foi uma estreia e como o salmão é o único peixe que gosto sem ser grelhado, é com ele que posso fazer novas experiências.

Muito simples, rápido e muuuuito saboroso!

Ingredientes:cooking world - salmão em papelotes

Postas de salmão
Cebola
Gambas
Alecrim, sal, pimenta, azeite e sumo de limão
Papel vegetal

Preparação:

Temperar as postas de salmão com sal, pimenta e sumo de limão; reservar uns 10 minutos.

Cozer as gambas em água e sal e retirar-lhes a casca.

Num quadrado de papel vegetal colocar 1 posta de salmão, cebola, gambas, 1 raminho de alecrim e regar com um fio de azeite.

Enrolar o papel vegetal como se fosse um embrulho e colocar na varoma.

Deitar 1 litro de água no copo e com a varoma em cima programe 25 minutos; varoma, velocidade 1.

Servi o salmão com cenouras e couve-flor, que aproveitei para cozer no cesto enquanto o salmão cozinhava. Temperei com azeite, alho em pó e oregãos.

(Imagem cedida pela autora) Lena Santos – Sabores Leves.

Lombos de Pescada à Florentina

Nota Cooking: Contribuição do blog O Barriguinhas! Original aqui. 🙂

Cooking World - Lombos de Pescada à FlorentinaIngredientes: (6 pessoas)

8 Lombos de pescada
300g de Grelos
500g de miolo de camarão
2 Dentes de alho
Sumo de 1 limão
Sal e pimenta
Azeite
Puré de batata
500ml Béchamel
Queijo mozarella ralado

1 ovo para pincelar

Preparação:

Os lombos de pescada e o camarão devem estar completamente descongelados. Temperam-se com o alho picado, o sumo do limão, sal e pimenta. Repousam nesta marinada cerca de 30 minutos.

Os grelos cozem-se em água fervente temperada de sal e escorrem-se bem (caso utilize congelados, deixe descongelar e escorrer o excesso de água). Salteie os grelos numa frigideira com 1 alho picado 1 colher de sopa de azeite e  coloque os grelos na base de um pirex de ir ao forno.

Num pouco de óleo ou azeite quente frite a pescada e os camarões, escorridos da marinada.

Disponha o peixe e o camarão por cima dos grelos.

Acrescente por cima o béchamel (usei de compra). Faça um pouco de puré de batata (usei instantâneo, mas pode fazer caseiro), coloque num saco pasteleiro e disponha o puré à volta do centro do pirex.

Polvilhe com o queijo ralado e pincele o puré com o ovo batido.

Leve a forno aquecido a 180º, durante 35 minutos e no fim ligue o grill do forno para que fique douradinho.

Uma verdadeira delícia! Bom Apetite 🙂

(Imagem cedida pela autora) Lúcia Fernandes – O Barriguinhas.

Pastelão de carne com Pimento, Alho Francês e Especiarias

Nota Cooking: Contribuição do blog Entre Tachos e Sabores! Original aqui. 🙂

O dia hoje tem sido uma correria, por isso é que só estou a publicar agora a receita 🙂 Mas ainda vai a tempo do jantar.

Este pastelão é um bocadinho picante, mas muito suave, nada de exageros; mas caso não gostem, basta alterarem o tipo de caril que usei na mistura para o caril convencional.

Cooking World - Pastelao de Carne com PimentoIngredientes:

500gr de carne picada ( eu usei porco, mas podem usar a que preferirem)
1 cebola grande
1 folha de louro
1 alho francês
1/2 pimento vermelho
1 colher de café de cominhos
1 colher de sobremesa da variedade temperos do mundo “México” da Margão
1 colher de sobremesa de caril de Madras Forte da Margão
1/2 copo de vinho tinto
3 colheres de sopa de polpa de tomate
1 massa folhada refrigerada
Azeite, pimenta e sal q.b.

Mel q.b

Preparação:

Refogar no azeite a cebola e a folha de louro (5min), depois adicionar o pimento cortado aos bocadinhos e o alho francês às rodelas e deixar refogar mais 5 min.

Adicionar as especiarias e deixar refogar até o alho francês e o pimento estarem cozinhados (cerca de mais 10 min), ir mexendo para não pegar.

Adicionar a carne e o vinho e envolver no refogado, deixar cozinhar até a carne estar com uma tonalidade castanha clara. Em seguida adicionar as colheres de polpa de tomate e deixar cozinhar em lume brando durante 20 min, sem tapar para evaporar todo o líquido.

Após cozinhar a carne deixar arrefecer e depois colocar a carne sobre uma das metades da massa folhada e fechar de forma a a fazer um semi-circulo. Pincelar com mel e levar a forno aquecido a 170ºC e deixar cozinhar até a massa ficar douradinha e cozinhada.

O acompanhamento pode ser o que desejar, nós acompanhamos com uma salada.

(Imagem cedida pela autora) Joana Oliveira – Entre Tachos e Sabores.

Grão com Atum no Forno

Nota Cooking: A primeira contribuição do blog Tertúlia da Susy! Original aqui. 🙂

Há muito tempo que olhava para o meu caderninho de receitas e dizia para mim:

“Tenho que fazer isto, deve ser delicioso!!!”

Mas, fechava o caderninho e voltava a esquecer-me… Ontem, voltei a abrir o caderninho e decidi é hoje. Dito e feito 🙂

Ficou mesmo uma delícia, irei repetir.

Cooking World - Grao com Atum no FornoIngredientes:

1 cebola

3 dentes de alho

1 tomate

Azeite

1 lata de grão

2 latas de atum escorrido

Queijo mozarela ralado

Azeitonas pretas descaroçadas para decorar

Preparação:

Fazer um refogado com a cebola, os dentes de alho e o tomate, com um fio de azeite.

Adicionar o atum (depois de escorrido) e o grão. Deixar cozinhar por 5
minutos.

Deitar o preparado num pirex e cobrir com queijo mozarela ralado e azeitonas pretas. Levar ao forno a gratinar, pelo tempo necessário.

E, para além disso, esta é uma receita super económica, com um valor unitário médio de 2,50€.

(Imagem cedida pela autora) Susy M – Tertúlia da Susy.

Pato Assado Agridoce com Laranja

Nota Cooking: Contribuição do blog Entre Tachos e Sabores! Original aqui. 🙂

Este pato é uma autêntica delicia, e para quem gosta de pratos agridoces de certo que vai adorar. Eu vi esta receita no blog do Malagueta Man,  que só tem receitas deliciosas, e cheia de ingredientes e misturas de fazer crescer água na boca. A primeira vez que a fiz segui à risca, mas desta vez fiz algumas adaptações (até por causa dos ingredientes que tinha em casa).

Ficou de fazer crescer água na boca, e ainda por cima o pato é caseiro e o sabor não se compara com aqueles de compra.

Este prato é super suculento e saboroso, miúdos e graúdos vão adorar!

Ingredientes:

Cooking World - Pato Assado Agridoce com LaranjaMarinada

1 Pato

1/2 copo de vinho branco

1/2 copo de vinho do porto

1 laranja às rodelas

Sal, pimenta e tomilho q.b.

Molho para regar o pato

3 colheres de sopa de mel

1 colher de sopa de manteiga

Sumo de 2 laranjas

Raspa de 1 laranja

2 colheres de chá de amido de milho

1 colher de chá de canela

Decoração

2 a 3 laranjas às rodelas

Preparação:

Colocar o pato a marinar com os ingredientes da marinada durante pelo menos 1 hora.

Pré-aquecer o forno a 180ºC, retirar o pato da marinada e escorrer bem. Colocar num pirex ou travessa de ir ao forno e reservar.

Para o molho, colocar num tachinho os ingredientes do molho em lume brando e ir mexendo com uma vara de arames até engrossar.

Pincelar com uma parte do molho o pato e levar ao forno por duas horas (como diz no blog, calcular 30 min. por cada 500gr de pato).

Pincelar com o molho a cada 30 min. e a meio do tempo de assadura virar o pato.

Mudar o pato para outro prato e enfeitar com as rodelas de laranja.

Nota: O molho e a gordura que ficaram no tabuleiro da assadura do pato, vertemos para uma tacinha e levámos para mesa para os mais gulosos. Acompanhámos com batata noisettes feitas no forno, mas pode sempre optar por arroz.

(Imagem cedida pela autora) Joana Oliveira – Entre Tachos e Sabores.

Lombos de Salmão com Crosta de Broa e Alecrim

Nota Cooking: Contribuição do blog 7 Gramas de Ternura! Original aqui. 🙂

Para aqueles que não gostam, eis uma maneira “disfarçada” de comer salmão. A broa ajuda a absorver a gordura do peixe e o sumo de limão também faz a sua parte. A minha filha mais velha, que não é apreciadora, assim gostou. Ficou muito bom e faz-se num instante. Fiz assim:

Cooking World - Lombos de Salmao com Crosta de Broa e AlecrimIngredientes:

1kg de lombos de salmão

200g de broa de milho
4 dentes de alho
3 pernadas de alecrim fresco
sal e azeite q.b.
mistura de alho e jindungo da Espiga
1 limão

1,200kg de batatas

Preparação:

Pique a broa, juntamente com 3 dentes de alho e 2 pernadas de alecrim desfeitas (retire a parte mais grossa). Junte um fio de azeite de modo a obter uma pasta, Coloque os lombos de salmão no recipiente de forno, tempere de sal e a mistura de alho e jindungo. Cubra com a mistura de broa e regue com um fio de azeite. Corte meio limão em rodelas e junte ao peixe. Esprema o restante limão por cima e leve ao forno cerca de 30 minutos a 200º. Se achar que está a secar cubra com alumínio e reduza a temperatura.

Entretanto descasque as batatas de corte-as em gomos grossos. Leve ao lume uma sertã com 1 alho socado e o restante alecrim desfeito. Junte as batatas, tempere de sal, a mistura da espiga e deixe saltear 10 minutos. Vá virando sempre. Transfira as batatas para um recipiente, com o molho onde saltearam e deixe terminar de assar, até que fiquem douradinhas.

E Bom Apetite!

(Imagem cedida pela autora) Mª José Machado – 7 Gramas de Ternura.

Pescada à Espanhola

Nota Cooking: A primeira contribuição do blog The Wild Kitchen! Original aqui. 🙂

Cooking World - Pescada a EspanholaIngredientes:

4 Postas de Pescada
700g de Batatas
700g de Ervilhas
6 Tomates
1 Cebola Grande
2 Dentes de Alho
5 c. (sopa) de Azeite
2dl de Vinho Branco
Sumo de 1 Limão

Sal e Pimenta qb

Preparação:

Arranje as postas de pescada e tempere-as com o sumo de limão, sal e pimenta. Descasque e lave a cebola e os dentes de alho e pique-os finamente. Lave os tomates, escalde-os retire-lhes a pele e pevides e corte-os em cubinhos.

Num tacho ao lume, aqueça o azeite, junte a cebola e os alhos e deixe refogar até a cebola ficar coradinha. Adicione depois o tomate, deixe refogar mais um pouco, regue com o vinho branco e deixe cozinhar 10m. Tempere com sal e pimenta, retire do lume, triture e reserve. Ligue o forno a 180 graus. Descasque as batatas e corte-as ao meio ou em gomos e leve-as a fritar em óleo mas sem deixar alourar (cozido também fica bom).

Ponha as postas de pescada num pirex, junte as ervilhas e as batatas fritas, regue tudo com a marinada do peixe no molho de tomates leve ao durante cerca de 35m ou até que a pescada fique cozinhada. Retire do forno e sirva.

(Retirada da Revista Teleculinária n.º 1515 de 21/04/2008 pag. 499)

(Imagem cedida pelo autor) Paulo Herculano – The Wild Kitchen.

Tarte de Carne

Nota Cooking: Contribuição do blog Bem Bons… Original aqui. 🙂

Há alimentos que nos permitem fazer inúmeras receitas e apreciar  refeições
diferentes com, apenas um pouco de imaginação. É o caso da carne picada, que permite muitas variações e cada uma melhor que a outra.
Descobri esta tarte e confesso que duvidei se seria uma boa receita, mas confirmo que é óptima e que podemos também variar os ingredientes que colocamos, e assim ir variando dentro da mesma receita.

Receita adaptada do blog Cabeças de Alho Chocho

Cooking World - Tarte de CarneIngredientes:

500 gr de carne picada (usei porco, mas pode ser metade de vaca e porco)

1 pacote de sopa de cebola instantânea

1 lata de salsichas

1 lata de cogumelos laminados

150 gr de queijo mozarella ralado

2 ovos

Sal

Pimenta

Oregãos q.b

Preparação:

Numa tigela misturar a carne com a sopa de cebola , os ovos e os restantes ingredientes, excepto o queijo.

Numa travessa, dispor o preparado da carne.

Por cima colocar o queijo ralado e levar ao forno por cerca de 20 minutos, até que o queijo gratine e a carne esteja feita.

Retirar e polvilhar com um pouco de oregãos.

É uma receita bem rápida, de fácil execução, que pode ser feita num dia em que o horário é apertado…

Bem bom…

(Imagem cedida pela autora) Ana Rita M – Bem Bons…