No Reino de Castelões…

Presentation1Confesso que sou fã dos queijos Castelões… E o resto da família também! Volta e meia lá sai um petisco com um destes queijinhos e que bem que nos sabe sempre! 🙂

Por isso, fiquei bastante satisfeita quando soube que, durante o mês de Agosto, a marca – portuguesa, pois claro – vai ter em marcha uma campanha de promoção com o objectivo de celebrar as férias de todos nós e, em especial, dos emigrantes que, neste mês de verão, regressam às suas terras para rever familiares e não só:

Convidando ao bom sabor à mesa, Castelões decidiu brindar os consumidores com taças, um utensílio que acolherá os melhores pratos de verão enriquecidos com fatias ou cubos da mais saborosa receita original que é o queijo Castelões.

A dimensão da taça, que poderá ser média ou grande, varia consoante o formato e categoria do queijo Castelões que é adquirido no ponto de venda, estando limitada ao stock existente.

Sem Título

E as taças são bem giras, na minha opinião! Pronto, lá vou eu comprar uns queijinhos; trago os queijos e as taças, e uso as segundas para colocar o petisco feito com os primeiros…

Fonte: CV&A Consultores

Cá por Casa Faz-se Assim: Folhados Mistos com Oregãos

Por aqui apreciam-se as refeições leves e rápidas e esta ideia compreende precisamente essas duas qualidades! Além disso é rápida de fazer, prática e perfeita para levar na marmita, na lancheira, para a praia, para um piquenique… Haja versatilidade!

Cooking World - Folhados Mistos com OregaosIngredientes:

1 rolo de massa folhada (de compra)

8 fatias de fiambre

8 fatias de queijo

Azeite q.b.

Oregãos q.b.

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 200ºC.

Desenrolar o rolo de massa folhada e dividi-lo em 8 triângulos iguais.

Colocar uma fatia de fiambre e uma fatia de queijo em cada triângulo, acomodando as pontas para que não fiquem por fora da massa. Pincelar as fatias de queigo com um pouco de azeite e polvilhar com oregãos.

Enrolar os triângulos começando pelo lado mais largo (para dar uma forma semelhante aos croissants). Colocar num tabuleiro (forrado com papel vegetal) e levar ao forno cerca de 30 minutos ou até a massa estar folhada e douradinha.

Nota: Se quiserem, podem pincelar a parte de cima dos folhados com gema de ovo ou azeite antes de os colocarem no forno.

Para acompanhar, porque não uma bela saladinha?

Queijo Assado com Figos e Nozes

Nota Cooking: A primeira contribuição do blog 7 Gramas de Ternura! Original aqui. 🙂

Das minhas invenções para um almoço em família nasceu esta entrada… É de uma simplicidade… e é deliciosa!!! É esta a receita:

Cooking World - Queijo Assado com Figos e Nozes

Ingredientes:

1 queijo camembert ( de caixa de madeira)
100g de figos secos cortados em pedaços
3 c. sopa vinagre balsâmico
100g nozes picadas grosseiramente
1 c. sopa de mel

Preparação:

Aquece-se o forno a 200ºC.

Põe-se o queijo num recipiente que possa ir ao forno e leva-se a assar por 15 minutos. Entretanto picam-se os figos e levam-se ao lume com o vinagre. Se começar a secar, junta-se uma colher sopa de água. Deixa-se ferver em lume brando até reduzir, (cerca de 5 minutos).

Cobre-se o queijo com os figos e polvilha-se  com as nozes. Rega-se com o mel e vai de novo ao forno, por mais 10 minutos.

Acompanha-se com tostas ou pão torrado.

E Bom Apetite!

(Imagem cedida pela autora) Maria José – 7 Gramas de Ternura.

Leerdamer em Portugal

Cooking World - Leerdammer em PortugalA Leerdammer, uma das principais marcas do Grupo Bel, foi lançada no mercado português; apresenta-se como uma marca única, vindo integrar o portfólio estratégico da Bel Portugal, do qual já fazem parte marcas líderes como Limiano, Terra Nostra, A Vaca que ri e Mini Babybel.

A nova marca vai estar disponível nos principais pontos de venda em dois formatos – Leerdammer cunhas e fatias. Enquanto as cunhas se apresentam como uma solução perfeita para saborear numa tábua de queijo e em momentos de convívio, as fatias são ideais para dar mais sabor a deliciosas sandes.

A embalagem, em amarelo, parece ser bastante prática e conveniente, pois permite abrir e voltar a fechar após cada utilização.

O PVP recomendado para o Leerdammer cunhas é de 2,99€, enquanto que para as fatias é de 1,99€. Já alguém experimentou?

Fonte: Distribuição Hoje / Grande Consumo.

Campo Pequeno: Mercado Gourmet

Cooking World - Mercado GourmetDe 8 a 10 de março terá lugar a 2ª edição do mercado Gourmet no Campo Pequeno; será que é desta que eu vou?? É que da primeira vez fiz planos para ir e à última da hora… Não deu para ir, ora bolas!

Mas passando ao que interessa, o evento decorrerá então então de 8 a 10 de março, entre as 11h e as 21h. A entrada é gratuita e poderemos apreciar dezenas e dezenas de coisinhas boas e todas portuguesas ou, no mínimo, confecionadas no nosso país!

Diz a página do evento no facebook:

O Campo Pequeno vai recriar o espírito dos mercados antigos portugueses onde se podia encontrar um pouco de tudo, adaptando-o à temática Gourmet, entre os dias 8 e 10 de Março.

 Vamos voltar a reunir no mesmo espaço, o que de melhor se faz em Portugal nesta área. Todos os produtos presentes, são de origem exclusivamente portuguesa ou manufacturados no nosso país.

 Objectivos:

– Contribuir para a divulgação, estimulo e sustentabilidade de micro actividades produtivas nacionais, de elevadíssima qualidade, que pela sua reduzida dimensão dificilmente chegam ao conhecimento do grande público. Muitas destas actividades são construídas com admirável persistência, paixão e engenho, nas mais variadas vertentes, constituindo notáveis exemplos de inovação e criatividade nacionais.

– Sensibilizar o público para a aquisição de produtos portugueses, estimulando actividades da nossa micro economia, a preços justos e vantajosos.”

Para saberem mais, podem consultar a página de facebook ou enviar email para: mercadogourmetcp@gmail.com.

Fonte: Praça do Campo Pequeno.

Queijo de Cabra

Cooking World - Queijo de Cabra OliveiralimentarInauguro esta crónica semanal sobre a maravilhosa região da Serra da Estrela, com queijinho.

Para que conste, esta opinião é de alguém que há um ano atrás não podia, sequer, cheirar queijo! Muito menos queijo da serra, que tem aquele cheiro bastante característico.

Isto mudou numa bela tarde em que me deram, pela enésima vez, um pedaço de pão com queijo da Serra!! E, daquela vez, soube-me muito bem!! Era quejo da Serra, daquele muito amanteigado (daquele que eu não conseguia cheirar) e soube-me bem! Fiquei encantada!

O queijo que vos trago hoje não é esse, mas sim um Queijo de Cabra maravilhoso. É um queijo pequeno de tamanho mas enorme em sabor; é suave e cremoso mas não é amanteigado; e não é salgado. Este queijo é distribuído por:  Oliveiralimentar, LDA – Senhor das almas – Oliveira do Hospital.

Uma fatia deste queijo numa tosta integral ou com uma fatia de pão (preferencialmente escuro) é uma deliciosa entrada e um saboroso lanche.

(Imagens cedidas pela autora) Ana Luísa Paulo