Congelar Ovos!

Cooking World - OvosQuase ninguém congela ovos, a não ser as claras. Mas é perfeitamente possível congelar ovos inteiros… Se bem que não podem ser congelados na própria casca, pois os líquidos expandem-se com o congelamento e a casca dos ovos partir-se-ía.

Então, para congelar ovos, retire-os da casca, mexa-os levemente com um garfo e adicione uma colher de café de sal ou de açúcar (conforme os ovos se destinem a preparações salgadas ou doces).

Acondicione os ovos no recipiente pretendido e guarde no congelador ou arca frigorífica, não sem antes etiquetar o recipiente – data de congelação, quantidade de ovos e tipo de utilização (doces ou salgados).

Os ovos aguentam até 10 meses quando congelados de acordo com este processo.

E pode sempre utilizar a forma de congelamento tradicional – claras de um lado e gemas do outro!

Uma boa forma de aproveitar ovos cujo prazo de validade se aproxima do final, bem como aproveitar promoções neste artigo para comprar em quantidade. 🙂

Fonte: FazFácil.

Anúncios

Utensílios de Cozinha: Panelas de Barro

Imagem retirada da internet via Google Imagens

Imagem retirada da internet via Google Imagens

Muito utilizadas pelas nossas avós, as panelas de barro caíram em desuso, mas nos últimos anos têm vindo a ser recuperadas!

Estas panelas são ideais para receitas típicas e regionais que contenham muito molho, pois realçam o sabor e o gosto dos alimentos. Eu adoro-as para fazer arroz, por exemplo! Tenho uma que ainda sobrevive dos tempos da minha avó. 🙂

As panelas de barro demoram algum tempo a aquecer, mas uma vez quentes mantém o calor por mais tempo também, sendo perfeitas para servir à mesa em situações mais informais ou ambientes rústicos.

Antes de utilizar pela primeira vez uma panela de barro, convém deixá-la de molho em banho maria cerca de 20 minutos em água a ferver – este procedimento retira qualquer odor ou sabor a barro.

Para lavar, basta recorrer a uma esponja macia e detergente neutro para louça. 🙂

Fonte: FazFácil.

Como Congelar Frutas

Muitas pessoas (eu incluída) têm algum receio de congelar frutas, por não terem a certeza de qual o melhor processo de congelação para as mesmas. Por isso, resolvi pesquisar um  bocadinho sobre o assunto e descobri que as frutas congeladas são indicadas para doces em calda, sumos, purés, recheios de bolos, gelados ou geleias; ou seja, congelar fruta para depois descongelar e comer normalmente não funciona!Existem quatro métodos básicos para congelar frutas; são eles:

Ao natural: Lave, descasque, retire os caroços e embale em sacos plásticos. O tempo de conservação varia de 4 a 6 meses.

Em polpa ou puré: Descasque, retire as sementes e bata no liquidificador. Para as frutas que tendem a escurecer, acrescente uma colher de sopa de sumo de limão. Coloque o puré em formas individuais deixando cerca de 1 cm de espaço para expansão. Feche bem e coloque no congelador até 12 meses. (As cuvetes de gelo com tampa são óptimas para congelar purés; depois dos cubos formados, retire-os para dentro de um saquinho e feche-o, de forma a poder reutilizar as cuvetes).

Com açúcar: Este método de congelamento é ideal para congelar frutas que serão servidas adoçadas em cremes, doces ou sumos. Coloque a fruta limpa e seca num recipiente plástico e polvilhe com açúcar, de modo que fiquem totalmente cobertas – a proporção é de 1/2 chávena de chá de açucar para 600g de fruta. Deixe descansar até que a fruta liberte o suco e dissolva nele o açúcar, formando um xarope natural. Tape o recipiente e coloque no congelador, onde o conteúdo se conservará por 8 a 12 meses.

Em calda: Ferva uma chávena de chá de água com uma chávena de açúcar, coloque as frutas num recipiente plástico e cubra-as totalmente com a calda. Para as frutas que escurecem devido à oxidação, como é o caso da maçã e do abacate, acrescente ½ colher de sopa de sumo de limão. Deixe arrefecer, tape e coloque no congelador. As frutas conservar-se-ão por 12 meses.

Fonte: FazFácil.