Terapia dos Tachos em Entrevista

Ora então, cá está a prometida entrevista com a autora do blog Terapia dos Tachos; gostaria de agradecer à Isabel (sim, a autora chama-se Isabel, embora seja conhecida por Cor de Chá) pela sua simpatia e disponibilidade; há já bastante tempo que sigo o seu blog e devo dizer que é uma pessoa que tem sempre uma palavra amiga quando necessário. E por adorar o seu blog, convidei-a a ser a minha primeira entrevistada:

  • Quem é a Cor de Chá?

Chamo-me Isabel, tenho 30 anos e sou natural da cidade-berço: Guimarães. Sou formada em Gestão, com especialização em Marketing. Tenho como hobbies a culinária, o artesanato, a escrita e a fotografia. O Terapia dos Tachos é, assim, o resultado de um desses hobbies.

Folhados de Chocolate e Noz

Folhados de Chocolate e Noz

  • Quando surgiu o Terapia dos Tachos e porquê este nome?

O Terapia dos Tachos foi criado a 25 de Março de 2008. Este foi o terceiro blog que criei, com o objetivo de criar um registo do que ia saindo da minha cozinha e, simultaneamente, ser um espaço de partilha de receitas e dicas. O nome Terapia dos Tachos surgiu de uma forma, completamente, inusitada! Tenho sempre dificuldades com títulos e nomes… Então, no momento em que procurava um nome para criar o blog, olhei para uma prateleira onde estavam alguns dvd’s. Comecei a “jogar” com os títulos dos filmes e do “Terapia do Amor” derivou (e nasceu!) o Terapia dos Tachos. Fez sentido, porque a culinária é, efetivamente, algo que me relaxa e, enquanto estou entre tachos e formas, deixo um bocadinho os problemas para trás.

Bolo de Claras com Limão

Bolo de Claras com Limão

  • Qual foi a primeira receita publicada?

Mousse de chocolate! É uma das minhas sobremesas preferidas. Não resisto a chocolate, nem a uma boa mousse!

  • Qual foi o comentário mais inusitado que já lhe fizeram no blog?

Sinceramente, não me recordo de ter recebido algum comentário mais “fora do normal”. Houve uma altura que recebi um comentário menos simpático, mas foi uma exceção e nem merece ser relevada.

  • E aquele que guarda no coração?

Recebo com muito carinho todos os comentários que recebo no blog e fico verdadeiramente grata a todas as pessoas que tiram 2 minutinhos do seu tempo para me deixar umas palavras. Agradeço a todos quantos comentaram ao longo destes anos.

Folhados de Carne

Folhados de Carne

  • O que é que gosta mais de cozinhar?

Doces (e isso é fácil de perceber, depois de espreitar o meu blog). Destes, destaco as compotas! Adoro engendrar combinações, bem como todo o processo para fazer e acondicionar a compota. Dá trabalho, mas este é amplamente compensado com os elogios que recebo.

  • Lembra-se qual foi a primeira receita que confecionou?

O clássico bolo de iogurte. Era o bolo mais feito lá em casa e foi a primeira receita que fiz sozinha.

  • De onde surgiu o seu gosto pela culinária?

Acho que surgiu naturalmente… As minhas grandes memórias em relação a este tema estão ligadas à minha avó materna que, por viver em minha casa, era quem tratava de todas as refeições. Creio que é a ela que devo este grande gosto por cozinhar e tenho muitas saudades dos pratos que preparava.

Compota Multi-Frutos

Compota Multi-Frutos

  • Onde é vai buscar a inspiração quando lhe apetece cozinhar algo diferente?

A uns quantos blogs de culinária que leio assiduamente, às conversas com amigos/família sobre o tema, a revistas, livros, programas de TV,… As fontes são muitas e diversificadas.

  • Qual é o seu prato favorito?

É uma boa pergunta! Gosto muito de lasanha, piza, francesinha, empadão, rojões, jardineira, frango assado e uma boa alheira. De um modo geral, gosto de pratos com bacalhau, massa e arroz. Adoro panados e rissóis. É daquelas coisas que não consigo resistir! Mas, tenho de confessar… um simples prato com batatas fritas, salsichas e ovos estrelados faz as minhas delícias.

  • Que sites ou blogs relacionados com culinária costuma visitar regularmente?

Visito muitos… Mas elejo estes quatro pela variedade de receitas e pela qualidade das fotografias e da escrita:

As minhas receitas

As receitas lá de casa

Sabor a casa

Cinco quartos de laranja

Da minha parte, muito obrigada Isabel :)! Gostei imenso de ficar a saber um bocadinho mais sobre ti e sobre o teu Terapia dos Tachos e tenho a certeza que quem visita o Cooking World também!

Advertisements

4 thoughts on “Terapia dos Tachos em Entrevista

  1. Terapia dos tachos é um cantinho muito simpático com partilhas muito apelativas, com textos muito simpáticos escritos pela Isabel que é muito querida

    beijocas e parabéns pela partilha
    Paula

    • Olá Paula!

      Em primeiro lugar, obrigada pelo comentário :). E em relação ao Terapia dos Tachos, não podia estar mais de acordo! Já sigo o blog há bastante tempo e adoro tudo o que a Isabel publica; e sim, ela é uma simpatia, uma pessoa verdadeiramente adorável!

      Um beijinho 🙂

Deixe a sua opinião!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s